Uma geração que se esqueceu de parar