Publicado em Música, Opinião

Dia 45/365 – Too lost in you, Love Actually

Todas as histórias de amor deviam ter uma banda sonora tocada a piano ou com o embalo de cordas. É como ter um bom vinho a acompanhar um jantar especial.

Love Actually” ou “O amor acontece”, de 2003 é a reunião de várias histórias felizes e menos felizes sobre amor. Não me recordo de uma só música neste disco que não seja absolutamente espétacular e com a qual não pense em fazer algo de profundamente emotivo e especial. É inspiração pura!

Hoje que é “oficialmente” o dia dele, e podem “dar-lhe com o clichet”…

Comprem uma caixa de morangos, uma garrafa de espumante docinho e preparem um banho de espuma para a vossa cara metade… o resto deixem a banda sonora fazer 😉

 

Para os solteiros que ainda acreditam em finais felizes, deixo esta ❤  Be Happy!

E olha que vem aí a Aurélia e o Jamie e pronto! Puff! Fez-se o final feliz! 😉

(Uma das minhas favoritas, de SEMPRE… )

Anúncios

Autor:

Eu sou a Vera e tive uma grande amiga que entretanto foi para o céu dos gatos... A ela seguiu-se a Siamesa... agora tenho um casal de pretos e uma tricolor louca que devora decorações de natal e fitas. Como sou criativa, a minha pegada digital começou em finais dos anos 90, ainda o upload de material era um terror e o "Terravista" um Sucesso. Gosto de novas tecnologias em particular de redes sociais. Sou caótica, desconheço o conceito de timming. Não como caracóis, carne e/ou favas. Não faço despedidas.