Deixem a Excalibur em paz

ebola_sintomas2

O Marido da enfermeira infectada com ébola está neste momento numa luta desesperada para evitar que lhe matem a cadela. Ainda que não existam provas do contágio ou sequer da possibilidade de contagio de canídeos com a doença, alguma alma inspirada resolveu que Excalibur deveria ser eutanasiada.  As possibilidades poderiam passar pela quarentena, tal como está a ser feito com seres humanos, mas como de costume, a eutanásia é o mais fácil. Javier corre o risco de perder a mulher e agora o animal de estimação do casal.

 

A notícia no #Público

 

____________________________

Atualização: Excalibur foi adormecido dia 08.10.2014 por ordem do tribunal de Madrid, após 12 anos de convivência com os donos, sem que estes tivessem a chance de se despedir. Descansa em paz.

Anúncios