Publicado em OUTROS

Cão morto em varanda – Braga

Ontem foi removido um cão morto de uma varanda em Braga. Ao que parece os “donos saíram”, tempo suficiente para o bicho morrer à fome, e os vizinhos só deram por isso depois do animal morto… Diz a versão impressa do Correio do Minho que foi preciso chamar os sapadores para a Agere conseguir remover o animal.
Para além do desrespeito, da tristeza, da revolta, questiono como é possível que estas coisas aconteçam e que os responsáveis saiam impunes? Como é possível tanta falta de humanidade? Como é possível que isto não seja considerado crime público? Se não querem pensar nos animais, pensem no prejudicial que é um cadáver a apodrecer numa varanda a metros das varandas dos vossos filhos!

Como posso eu dedicar tanto tempo ao voluntariado animal e tão pouco ao das pessoas? Por isto mesmo! Por situações e por “animais” como estes.

Anúncios

Autor:

Eu sou a Vera e tive uma grande amiga que entretanto foi para o céu dos gatos... A ela seguiu-se a Siamesa... agora tenho um casal de pretos e uma tricolor louca que devora decorações de natal e fitas. Como sou criativa, a minha pegada digital começou em finais dos anos 90, ainda o upload de material era um terror e o "Terravista" um Sucesso. Gosto de novas tecnologias em particular de redes sociais. Sou caótica, desconheço o conceito de timming. Não como caracóis, carne e/ou favas. Não faço despedidas.