Boas Notícias: “Animais de estimação «não potenciam» alergia em crianças”

Quanto mais cedo a criança começa a conviver com animais de estimação menores são as probabilidades de ela desenvolver alergias, aponta um estudo publicado na revista especializada Clinical & Experimental Allergy.

Realizado ao longo de duas décadas, o estudo acompanhou 565 participantes expostos a cães e gatos desde o nascimento até completarem 18 anos. Os resultados mostraram que a exposição na primeira infância, em especial no primeiro ano de vida, fez com que alguns participantes desenvolvessem anticorpos contra a alergia.

Adultos cujas famílias tinham mantido um cão dentro de casa durante o seu primeiro ano de vida, tinham 50% menos probabilidades de desenvolver alergias quando comparados com aqueles que não tiveram esse contacto. O mesmo vale para quem conviveu com gatos.

In Diario Digital

Anúncios