Gajas e gajos…

Aqui está uma coisa que me anda a surpreender nos blogues, nas bloguers e pra ser honesta, em tudo o que me rodeia. Como dizia alguém, até os cães andam aos pares e os que não andam aos pares, andam á procura de pares. Ou é do frio ou as mudanças climatéricas os “pozes” tropicais e das primaveras, vindos lá do confim do judas, trazidos por uma corrente de baixas/altas pressões,  fizeram com que este mundo e ou outro se aproximasse numa tentativa desesperada de combater o frio.

Vêm-me á cabeça aquelas verdades empíricas e inquestionáveis que são discutidas no café entre o mesmo grupo de gajas de sempre.

Gaja que namora, parece um ninho de abelhas… parece que os meninos e senhores despertam por essas alturas para a beleza da dita cuja. Nem que a mesma seja tão bonita como um acidente, se um gajo quer aquela gaja para ele, algo de bom paira por ali… (É isso e as gajas quando vêem gajos de aliança, mas isso fica para outro post).

Quando uma gaja fica solteira, parece que se cobre de “raid” e afasta todas as abelhas. Puff… a única coisa que aparece são os percevejos do costume (aí que eu vou para o inferno).

Dou por mim a pensar que não estou com paciência para partilhar o meu espaço e tal, mas que tá um frio do caraças, lá isso está.

Okay, diria quem me conhece, algo do género:”Vá, deixa de ser um calhau…”, “é pouco bom”, “até os passarinhos gostam”… A questão nem é essa, é bom sim senhor. Os passarinhos devem gostar, e isso é lá com eles. Para ser honesta já me esqueci de como é ter um namorado a sério, na verdadeira acepção da palavra… mas pá! Logo agora é que tem de vir o raio do instinto de “final feliz”, encontrar a cara metade e tal…

 Porra, tá aí o natal… lá para Fevereiro é mais uma despesa… Bolas, vou mas é comprar um saco de água quente e aqueço os pés sem custos de maior. Ainda para mais porque ando com um target a modos que exigente.

Pedir um tipo inteligente (começo logo mal), com mais de 1m70 (o exclusivo de ser o porta-chaves fica por minha conta), 70kg (para pequena chego eu), que não ache que Dan Brown é matéria de exame e não confunda uma pastilha de travão com uma pastilha gorila, que goste de animais, computadores e viagens e que no final de contas tenha dois dedos de testa e que não tenha fobias relacionadas com o trabalho (não ando a procura de adoptar ninguém)…

Não seria a perfeição, mas fazia-me largar o saco de água quente e ficar a ronronar á lareira. Pá! Tão a ver o “Boinas”? Sim esse mesmo. O Borges! Casava-me! Adoro um tipo que sabe falar de leis e dizer umas piadolas pelo meio… Para não falar que tem os dentes todos e tem ar de quem toma banhinho…Pura e simplesmente de sonho…

Ái ái, casava-me pois! Enfim, de volta a realidade…  isto é culpa da menina Pólo Norte e das ofertas. Leva-o  leilão que ainda que vai valer uns cobres…  😛 brincadeirinha…

Anúncios

4 thoughts on “Gajas e gajos…

  1. Vi…surpreendeste-me com este artigo intimista 😉

    Devo dizer que discordo em absoluto com a teoria aqui apresentada. O contrário para as gajas já concordo totalmente…

    Há mais gajos como o boinas – até porque o boinas é assim pó baixito (schh que ele não me ouve). O teu problema é que és mesmo uma gaja inteligente…e infelizmente a inteligência aliada a outras, digamos, virtudes, começa a escassear. Pero que los hay…los hay.

    Finais felizes nem sempre os há…mas que há filmes felizes, isso é verdade.

    Terminado o meu modo fofinho, devo te dizer que andas a precisar de uns abanões 😉

    Ósculos barulhentos

    Gostar

    • Eu sei, sou uma surpresa. Devo dizer k é um post até demasiado intimista. Mas se n acreditar em finais felizes, pra que serve a “fé”? Quanto ao boinas… Esqueces-te k te tb sou rodas baixas!? Tds os defeitos sejam esse… 🙂 abana, abana… Beijoka

      Gostar

Os comentários estão fechados.