Publicado em OUTROS

A cadela que fala…

Quando me farto do Sócrates, do Portas e da Ferreira Leite nos notíciários, mudo-me para a dois. Foi aí que descobri a Marta. A marta é uma canita que fala. Um dos desenhos animados mais ternurento e engraçado da actualidade. Os tipos que pensaram no argumento para criar a personagem da Marta é que andam um bocado perdidos com a anatomia canina e com a estória das letras da sopa irem para os miolos da bicha e não para a barriguinha, como era suposto. Mas pronto, eles lá saberão o que fazem. Só não percebo como é que a Marta é tão gordinha se vive de sopa de letras!?

A Marta faz lembrar uma cadela que tinha quando era miuda, com a diferença que a minha cadela tinha o pelo castanho, porque de resto também comia de tudo e era gordinha como uma pequena porca.

De resto, se por esses lados precisarem de alguém para dar voz a um desenho animado: Pick meeeeee! Pick meeee!!!! 🙂  Sério Sério… se não… bem, eu vou continuar por aqui a ver a programação da 2.

😉

Martha Speacks

Anúncios

Autor:

Eu sou a Vera e tive uma grande amiga que entretanto foi para o céu dos gatos... A ela seguiu-se a Siamesa... agora tenho um casal de pretos e uma tricolor louca que devora decorações de natal e fitas. Como sou criativa, a minha pegada digital começou em finais dos anos 90, ainda o upload de material era um terror e o "Terravista" um Sucesso. Gosto de novas tecnologias em particular de redes sociais. Sou caótica, desconheço o conceito de timming. Não como caracóis, carne e/ou favas. Não faço despedidas.