A sombra do vento

“Numa ocasião perguntei-lhe em quem se inspiravapara criar as suas personagens e ele respondeu-me que em ninguém. Que todas as suas personagens eram ele próprio.”

Em “A Sombra do Vento”
de Carlos Ruiz Zafon

 

Quantas vezes as personagens das nossas histórias não são mais do que criações nascidas de nós mesmos?

Hoje: Já começo a sentir o Outono a bater a porta, mesmo que quente. Tic-Tac-tic-tac…

Anúncios