De foto em foto…

No meio destes meus picos de euforia, fé no mundo ou descrença total, hoje era um bom dia para adormecer embalada por um pensamento organizado e confortável.

Estive a ver algumas fotos. Saudades de algumas pessoas, de alguns momentos e de sorrisos que não volto a rever, mas como nem tudo são tristezas, hoje é mais um bom dia para ser feliz. Para uma boa foto.

“Nos álbuns de fotografias não aparecem os momentos menos bons, mas são eles que nos transportam de uma fotografia feliz para a outra.”

“Spend all your time waiting
For that second chance
For a break that would make it okay

There’s always one reason
To feel not good enough
And it’s hard at the end of the day

I need some distraction
Oh beautiful release
Memory seeps from my veins
Let me be empty
And weightless and maybe
I’ll find some peace tonight

In the arms of an angel
Fly away from here
From this dark cold hotel room
And the endlessness that you fear
You are pulled from the wreckage
Of your silent reverie
You’re in the arms of the angel
May you find some comfort there”

 

Anúncios

6 thoughts on “De foto em foto…

  1. …há musicas assim…que ouvimos mil vezes sem as ouvir realmente…e um dia…sem querer…ganham toda a força e significado que continham desde sempre.

    sempre tive “medo” desta musica…acho que sempre quiz que me fosse indiferente…assumo…a Sarah ganhou…e eu…bem, eu perdi mais uma vez.

    raios partam os anjos!

    Gostar

  2. Quando me ponho a ver as fotos dos momentos felizes, percebo que, afinal, nem todos os momentos eram felizes. O meu olhar sonhador é que era feliz porque sonhava… porque acreditava nos momentos felizes que sonhava.

    Could some angel pull me from the wreckage of my lost reverie…

    Gostar

    • “O meu olhar sonhador é que era feliz porque sonhava… porque acreditava nos momentos felizes que sonhava.” E não é essa a justificação para a existência do sorriso?

      “O sonho comanda a vida”, já dizia o poeta.
      😉 *****

      Gostar

      • Se calhar, é! Mas então que dizer do sorriso triste?

        Por o sonho comandar a vida é que me sinto desvitalizada. Caramba… até pareço o Gajo… looking for a dream…

        Parece que os sonhos também se abatem… que raio!

        (ó Vera, desculpa a tristeza dos meus comentários, mas ando num pico de descrença total…)

        Gostar

        • Eu percebo isso tudo, bem melhor do que possas imaginar, mas também ando um pouco a fazer o papel do palhaço triste… tenho de contrariar aquele espírito que me diz que tudo corre mal para mim e que só os outros é que podem ter finais felizes.
          N te conheço,mas do Gajo já levo algumas peças do puzzle, e sabes que mais, acredito que um dia destes o panorama mude… se acredito nele, pk não acreditar em ti? afinal de contas, n andamos todos a procura de uma luz ao fundo do tunel? O facto de existirem coisas más, acontecimentos que nos deitam abaixo, implica a obrigatoriedade cosmica de existirem também coisas boas… e f*da-se! Se as coisas boas e más acontecem aos outros, a nós n podem acontecer só as más… p*ta que pariu quem escreveu esta história se n vou ter o meu final feliz… vais ver!

          😀
          Quanto aos comentários… mais ou menos presente…estou sempre aqui 😉

          Gostar

Os comentários estão fechados.