Eu tenho um sonho

Perder a capacidade de sonhar é perder, ponto.

Ele emocionava-se a cada conquista. Ficava extasiado ao ver as crianças correr livremente pelas ruas atrás das libélulas. Exigia pouco para ser feliz. Os que exigem muito são algozes de si mesmos.

A.Cury, Nunca desista dos seus sonhos,

sobre Martin Luther King

Eu tenho um sonho. Agarro-o com as duas mãos, mas até o podia agarrar com as pontas dos dedos. É tão forte e tão parte de mim que questiono se não será pele da minha pele, construção do meu imaginário, suspiro dos dias menos felizes.

Eu tenho um sonho. É diferente. Para mim, é  enorme. Daqueles que enche a alma e transborda pelos olhos. Eu tenho um sonho, mas hoje não vou falar dele. Deixem-me ganhar coragem, energia e inspiração com os sonhos dos grandes sonhadores, porque um dia eu também vou ser capaz.

Eu?! Eu… Eu tenho um sonho.

Ele também tinha um sonho.

Anúncios

8 thoughts on “Eu tenho um sonho

  1. Tinha e levou com um balázio que é mais ou menos o que nos acontece quando sonhamos. Aparece sempre um estupor(a) que faz questão de nos fazer descer à terra. O que no caso do Dr (título com toda a legitimidade) King, foi literalmente!
    Mas gostei. Era este o texto?
    ***

    Gostar

    • Não, Não era este. Meu caro, mais vale morrer pelos nossos sonhos com um balázio e ser recordado pela eternidade como um modelo… do que morrer de velhinho debaixo dos lençois sem nunca ter dado um passo a mais ou a menos do que o que era esperado.
      Como é obvio, é uma opinião, falo por mim.

      Gostar

  2. But of course! Eu não tiro os méritos nem ao Dr. King nem aos sonhos. Só falo mal dos fdp que cismam em nos matar os sonhos…

    Gostar

    • Percebo a perspectiva, mas na grande parte das vezes as coisas/pessoas têm a importância que nós lhes damos… (bolas, devia ter ido para psicologia!)

      Gostar

    • Eu peguei no exemplo pelo simbolismo, mas há sempre alguém do contra.
      **** beijocas rafeirolas

      ps.(O fausto (do cenas e coisas-sushi) tá com os copos e ta a dizer para linkares o Bandeirasdespregadas.wordpress.com )…

      Gostar

  3. Vi

    Mal de quem não tenha um sonho. Eu tenho sempre que ter um sonho, pois caso contrário, a “cena” não tem graça…
    Mantém-te destemidamente sonhadora, para ires aproveitando a vida. E não te detenhas quando os sonhos forem altos, por medo de uma possível queda, pelo contrário, é quando estamos “lá em cima”, que deveremos acreditar que é para sempre e mais além!!! 😉
    Gostei!
    Beijos de férias, sol e muitaaa praia

    Gostar

Os comentários estão fechados.