Publicado em Texto

tic-tac

30062009- café

Sentei-me naquela escada de sempre. Senti-me finalmente em casa.

Olhei em frente, ouvi os moradores do prédio sair. Tinha terminado a hora de almoço. Estava quase a bater o meu horário.

Li mais umas linhas. Não senti a solidão, apesar das horas a passar.

Ouvi uma voz familiar:”na leitura hein!?”

Sorri, olhei para o relógio do telemovel. Não uso relógios. Gosto deles mas não consigo tolerar sequer a ideia de andar com um o dia todo… Olhei as horas e soube que estava na hora de sair dali.

Preciso de um café.

Anúncios

Autor:

Eu sou a Vera e tive uma grande amiga que entretanto foi para o céu dos gatos... A ela seguiu-se a Siamesa... agora tenho um casal de pretos e uma tricolor louca que devora decorações de natal e fitas. Como sou criativa, a minha pegada digital começou em finais dos anos 90, ainda o upload de material era um terror e o "Terravista" um Sucesso. Gosto de novas tecnologias em particular de redes sociais. Sou caótica, desconheço o conceito de timming. Não como caracóis, carne e/ou favas. Não faço despedidas.