Um dia desses…

Isto da indignação para com a televisão, tem destas coisas. Voltei-me para a rádio. Resultado: oiço destas coisas, depois passo o resto do dia com estas coisas melosas a passar em loop a entreter-me os neurónios…mas é bonitinho, digam lá que não é! 🙂

Um dia desses…

 

De tanto me perder, de andar sem sono
por essa noite sem nenhum destino
por essa noite escura em que abandono
uns sonhos do meu tempo de menino
de tanto não poder mais ter saudade
de tudo o que já tive e já perdi
dona menina, eu me resolvo agora
a ir-me embora pra longe daqui.

um dia desses eu me caso com você
você vai ver, você vai ver
um dia desses, de manhã, com padre e pompa
você vai ver como eu me caso com você

meu tempo de brincar já foi-se embora
e agora, o que é que eu vou fazer?
não tenho onde morar, vou caminhando
sem sono, sem mistérios, sem você;
pra terra onde nasci
não volto nunca mais
e esta cidade alheia tem segredos
que eu faço tudo pra não compreender

meu pobre coração não vale nada
anda perdido, não tem solução
mas se você quiser ser minha namorada
vamos tentar, não é?
não custa nada
até pode dar certo
e se não der
eu pego um avião, vou pra Xangai
e nunca mais eu volto pra te ver.

Anúncios

4 thoughts on “Um dia desses…

  1. O que me fizeste fazer… Botei a música para tocar para ver qual era e… duas colegas começaram logo a cantar e agora também não se calam…

    Gostar

    1. lol… bem bonita! imagina k eu tinha aqui o filme do “juca o pastor”!!! ukurrale …procura…. cm dizem os meus colegas… aquilo sim é uma perola…. 😛

      Gostar

Os comentários estão fechados.