Publicado em Texto

Re… começo… inicio… novo…

shuuu...

Oiço os sapos… shuuu… sussurram algo, debaixo de chuva, nem sei em que esconderijos se camuflam… e quero lá saber… Oiço os sapos!

Vou fazer as malas, de novo. Fico cansada só de pensar em tudo de novo.

Sento-me. Sinto a cheiro da terra e oiço o sapateado da chuva nas folhas verdes. É uma tarde triste, cinzenta, nua. As amendoeiras, a contrastar, estão especialmente vivas. Fecho os olhos e tento guardar a imagem. Tão verde! Tão cinza…

Mais uma vez, pegar em tudo, organizar tudo, estabelecer um plano. Têm de correr bem. Desta vez tem de correr bem.

Vou refugiar-me no silêncio de um livro e esquecer momentaneamente as preocupações.

Anúncios

Autor:

Eu sou a Vera e tive uma grande amiga que entretanto foi para o céu dos gatos... A ela seguiu-se a Siamesa... agora tenho um casal de pretos e uma tricolor louca que devora decorações de natal e fitas. Como sou criativa, a minha pegada digital começou em finais dos anos 90, ainda o upload de material era um terror e o "Terravista" um Sucesso. Gosto de novas tecnologias em particular de redes sociais. Sou caótica, desconheço o conceito de timming. Não como caracóis, carne e/ou favas. Não faço despedidas.

2 opiniões sobre “Re… começo… inicio… novo…

  1. Olá.
    Obrigado pelos parabéns do meu aniversário. Foste gentil.
    Quer dizer que tens uma casa nova! Sim senhora!
    Alugas a outra? 😉
    Beijoca

    Gostar

  2. Abetarda… a outra é de férias, para ir ver o que andam a fazer os amigos 😉
    Beijoka, obrigada por passares por cá***

    Gostar

Os comentários estão fechados.